-

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

09/09/2019 16:24

Prefeitura de Ibiporã doa oficialmente terreno ao CEEP

A Escritura Pública de Doação foi assinada no último dia 04 de setembro, pelo prefeito João Toledo Coloniezi

Cópia da Escritura Pública de Doação

Fotos Crédito: Divulgação/NCS/PMI

Fonte: Núcleo de Comunicação Social/PMI

A Prefeitura do Município de Ibiporã deu mais um importante passo em relação à construção do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP), ao oficializar a doação do terreno onde se começou a construir a escola. Paralisada desde 2015, a obra, que até então estava irregular, agora pode prosseguir em conformidade com a lei, dependendo apenas dos investimentos anunciados pelo governador do Paraná, Ratinho Junior.

A Escritura Pública de Doação foi assinada pelo prefeito João Toledo Coloniezi, no último dia 04 de setembro. O município passou para o Estado uma área de terras medindo 17.083,39 m², avaliada em R$ 501.265,24, a qual já abriga a estrutura básica do CEEP. À época, a construção foi paralisada por questões judiciais, onde a obra foi alvo da investigação da operação QUADRO NEGRO, que apurou desvios de mais de R$ 20 milhões em obras de construção e reformas de escolas públicas estaduais. Coincidentemente, o terreno também estava em situação irregular (ainda pertencente ao município de Ibiporã).

Para o prefeito João, com a oficialização, nada impede que o Governo do Estado retome as obras. “O município de Ibiporã resolveu essa pendência que é antiga, uma vez que desde 2013 não havia sido feita a doação do terreno, e agora a nossa expectativa é que o Estado inicie imediatamente as obras. O CEEP é uma importante obra para a população do nosso município, que só tende a ganhar com a operação efetiva dele”, concluiu o prefeito.

Retomada das obras

O município de Ibiporã recebeu em abril deste ano a visita do engenheiro Paulo Sérgio Victor, diretor técnico do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar), que junto com o prefeito João Coloniezi, secretário de Obras, Alexandre Lourenço, arquiteta Henriete Muller e o engenheiro civil Diogo Perez, estiveram no local onde está sendo construído o Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP). O objetivo foi solicitar a retomada das obras (paralisadas) por parte do Governo do Estado.

A construção fica no final da Rua Olavo Bilac, sentido Barreirão. Após ser concluído, o CEEP poderá ofertar cursos técnicos gratuitos a 1.200 alunos.

Para terminar a obra será necessário hoje um investimento previsto na casa dos R$ 6 milhões. A construção do CEEP é resultado da parceria entre o Governo do Estado, junto ao Ministério da Educação, através do programa Brasil Profissionalizado. O município participa com a infraestrutura, tais como doação do terreno, terraplenagem, pavimentação asfáltica e a iluminação.