14/06/2016 09:36

Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado em Ibiporã

Estudantes da rede municipal de ensino comemoraram o Dia Mundial do Meio Ambiente assistindo a animação “O Lorax: Em Busca da Trúfula Perdida”

Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado em Ibiporã

 

 

 

A Administração Municipal, por meio das Secretarias de Agricultura e Meio Ambiente, Educação e Cultura e Turismo, juntamente com o SAMAE e a Kurica Ambiental, realizaram na última sexta-feira (10), uma ação com alunos do 3º ao 5º ano da rede municipal de ensino, em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado em 05 de junho, domingo. Para marcar a data, 680 estudantes assistiram ao filme "O Lorax: Em Busca da Trúfula Perdida", no Cine Teatro Padre José Zanelli.

 

A animação é uma adaptação do conto clássico do Dr. Seuss e foi escolhida para celebrar a data, por reafirmar a importância das árvores e do cuidado diário com o Meio Ambiente. A jornada de Ted, um menino, que descobre o sonho de sua paixão, a bela Audrey, ver uma árvore de verdade, algo em extinção na cidade de Sneedville.  As árvores são feitas de balão ou algum material parecido e ar puro é vendido, em garrafas, o artificial toma conta da cidade.

 

Disposto a realizar este desejo, Ted embarca em uma aventura, por uma terra desconhecida, cheia de cor, natureza e árvores. Lá conhece também o simpático e ao mesmo tempo rabugento Lorax, uma criatura curiosa e preocupada em proteger seu mundo.

 

A atual administração realiza todo ano uma ação diferente para celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente com as crianças. "Nosso objetivo é trabalhar a importância da conservação do meio em que vivemos. O valor das árvores, solo, da água e todas as atitudes que devemos ter no dia-a-dia para conservar o meio ambiente", expôs o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Tomas Falkowski. "Trabalhar esses valores com os estudantes, ainda mais neste formato de animação é mais importante porque elas conseguem melhor e passam o conhecimento adquirido pata as pessoas com quem convivem diariamente", acrescentou ele.

 

Conforme a secretária de Educação, Maria Margareth Coloniezi, as crianças são as melhores disseminadoras da conscientização ambiental. "Discutimos a educação ambiental de forma interdisciplinar dentro dos conteúdos previstos no currículo escolar, desde ações mais simples do cotidiano até os conteúdos estabelecidos nas disciplinas de Ciências, História, Geografia e Português. Além dos outros projetos que participamos, como: Seara, Agrinho, Copati e Kurica", afirmou a secretária. "Trabalhar este tema de forma lúdica, aguça mais a criança em cuidar do meio ambiente. Percebemos o encantamento e motivação dos estudantes com a história de O Lorax, por se tratar de uma atividade diferenciada, que utiliza outro meio pedagógico, mas reforça tudo o que trabalhamos cotidianamente em sala de aula", complementou a secretária de Educação.