Educação

 

Publicado em: 25/08/2021 18:13 | Fonte/Agência: Núcleo de Comunicação Social PMI

Administração municipal dá início ao projeto Café com Inclusão

A ação, direcionada às famílias de alunos inclusos na rede municipal de ensino, será promovida periodicamente

Whatsapp

 

No último sábado (21), a administração municipal, por meio da Secretaria Municipal de Educação e da Assessoria de Educação Especial e Inclusiva, realizou o primeiro "Café com Inclusão", projeto iniciado na Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla.

A ação, que contou com a presença de pais, vereadores e do prefeito José Maria Ferreira, promoveu, além de um café para interação entre poder público e comunidade, uma roda de conversa, que acolheu, em dois períodos as famílias de alunos inclusos na rede municipal de ensino, reforçando o compromisso firmado pela administração de avançar sem deixar ninguém para trás.

Na oportunidade, o prefeito José Maria Ferreira registrou: “é essencial contarmos com uma equipe preparada, orientada e com condições adequadas para promover o que muito valorizamos, o ensino humanizado. A rede municipal de ensino de Ibiporã há anos tem sido organizada para protagonizar momentos que registrem o crescimento do aluno de maneira envolvente, a escola é um lugar onde se recebe e se compartilha conhecimento e experiências, e lá devemos estar prontos para receber e atender às crianças e às famílias com respeito, empatia e principalmente, inclusão. É cuidar das pessoas, sem deixar ninguém para trás”, disse o prefeito.

De acordo com o secretário, Antonio Prata Neto, a programação da secretaria de Educação é, a partir de agora, realizar dois “Cafés com Inclusão” a cada semestre, acrescentando na próxima edição, oficinas temáticas com os pais. "A gestão José Maria tem o compromisso de cuidar das pessoas. Precisamos, antes de tudo, ouvir. Ouvir a família do aluno, para juntos prepararmos, com todo amor e acolhimento pedagógico, a melhor inclusão educacional das nossas crianças".

Para Angélica Nati de Souza, mãe de aluno diagnosticado com surdez profunda e autismo severo, a luta por inclusão vem desde 2008. “A roda de conversa foi muito proveitosa e emocionante. Ali me senti à vontade para expressar minhas angústias. Parabéns pela iniciativa! Assim podemos ver uma luz no fim do túnel de lutarmos juntos por direitos iguais”.

Questionada sobre a iniciativa da administração, Alexandra Morais, mãe de aluna da sala especial da escola Maria Inês, afirmou ainda ser necessário lutar pela inclusão nas escolas e reforçou a importância de uma pedagogia individualizada. Para ela, o café teve grande valor no aspecto de demonstração da preocupação da gestão atual em fazer pela pessoa com deficiência e ouvir as necessidades e dificuldades enfrentadas pelas famílias. “A gestão deve ser parabenizada pela iniciativa, pois é uma gestão sensível à pessoa com deficiência, e percebo que estão dispostos a fazer realmente a diferença”.

Ainda segundo José Maria, a iniciativa de promover o Café com Inclusão é também aproximar o cidadão das ações do Poder Público, promovidas por meio da secretaria de Educação. É aproximar-se das necessidades e atendê-las respeitando suas singularidades, construindo o futuro das crianças por meio de uma Educação de qualidade, com inovação, respeito e inclusão.

Estiveram presentes também a diretora e o vice-diretor da APAE Ibiporã, Marcia Christiane Nakagawa e Jair Justino, o presidente da APADEVI, Osmar Neiva de Rezende, a diretora do CADEVI, Ellen Rantin, a presidente da APASI, Ivete Pereira Semprebom, a diretora do CAESMI, Eliane dos Santos Zefa, o presidente da Câmara Municipal, Pedro Luiz Chimentão, os vereadores Dieguinho da Furgão, Gilson Mensato, Maria Aparecida Galera e Rafael Eik Ferreira e a Presidente de Honra da APMIF, Dra. Eliana Eik Borges Ferreira.